Preços de produtos na saída das fábricas sobem 0,62% em setembro, diz IBGE

Agência Brasil - 10:20 - 30/10/2013
0 comentarios

    Os preços dos produtos na saída das fábricas, registrados pelo Índice de Preços ao Produtor (IPP), subiram 0,62% em setembro. A taxa é inferior às observadas em agosto deste ano (1,43%) e setembro do ano passado (0,69%). O dado foi divulgado hoje (30) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

    Treze dos 23 setores da indústria da transformação analisados apresentaram inflação. Os maiores impactos na taxa de setembro foram causados pelos alimentos, com inflação de 1,58%, pelo refino de petróleo e álcool (1,16%), por outros produtos químicos (0,96%) e bebidas (3,61%).

    Por outro lado, dez setores registraram queda de preços (deflação) e contribuíram para frear a inflação na porta das fábricas. Entre as atividades que tiveram deflação, destacam-se impressão (-2,92%), madeira (-2,38%) e fumo (-2,23%).

    No acumulado do ano, a inflação medida pelo IPP chega a 4,91%. Em 12 meses, a taxa acumula alta de 5,86%, abaixo dos 5,92% registrados nos 12 meses encerrados em agosto.


    Comentários 0

    Síguenos en twitter
    Síguenos en Facebook

    Más leidas

    eAm
    Colombia
    Mexico
    Chile
    Brasil
    Argentina
    Peru

    Liga Brasileña 2013-14

    Ecoprensa S.A. - Todos los derechos reservados | Política de cookies | Cloud Hosting en Acens

    Paraguay y Brasil inauguran una línea de trasmisión eléctrica de 348 kilómetros
    <b>Taxa de desemprego no Brasil</b> recua pelo segundo mês consecutivo