elEconomista.es
Brasil
37.362,92
-1,76%
4,1532
+0,01%
47,77
+7,28%
1.455,80
-0,32%

Custo de vida sobe 0,5% em outubro na capital paulista, diz Dieese

Agência Brasil - 15:24 - 7/11/2014
comentarios

    O custo de vida na cidade de São Paulo cresceu 0,5% em outubro, na comparação com setembro. Segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o aumento foi puxado, principalmente, pelos grupos alimentação, que apresentou aumento de 1,12%, e habitação, que cresceu 0,55% por causa do aumento nos preços do aluguel e do condomínio.

    Houve aumento também nos grupos vestuário (0,08%), educação e leitura (0,26%), saúde (0,03%), despesas pessoais (0,25%) e despesas diversas (1,64%). No grupo transportes foi registrada redução de 0,1% principalmente pela diminuição do preço do álcool (-1,14%). Nos grupos equipamentos domésticos (-0,14%) e recreação (-0,02%) os preços caíram um pouco menos.

    De janeiro a outubro, o custo de vida em São Paulo acumulou taxa de 5,62%. Os grupos que apresentaram as maiores altas foram educação e leitura (aumento de 9,21%), despesas pessoais (8,78%) e despesas diversas (7,75%). Seguem os setores de alimentação (6,89%), habitação (6,83%), saúde (4,42%), recreação (2,17%) e transporte (1,44%). Os grupos equipamentos domésticos (-0,1%) e vestuário (-0,45%) apresentaram queda.


    Comentários 0

    Síguenos en twitter
    Síguenos en Facebook

    Más leidas

    eAm
    Colombia
    Mexico
    Chile
    Argentina
    Peru

    Liga Brasileña 2013-14

    Energia elétrica terá custo maior devido ao <b>reajuste do preço do diesel</b>
    Argentina.- Los acreedores de Argentina buscan un pago inmediato de 4.400 millones de dólares en deuda