elEconomista.es
Brasil
37.362,92
-1,76%
4,1084
+0,00%
47,77
+7,28%
1.475,64
+0,01%

IPC registra alta de 1,78% na primeira prévia de fevereiro, em São Paulo

Agência Brasil - 9:37 - 10/02/2015
comentarios
    tagsMás noticias sobre:

    O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na capital paulista, encerrou a primeira prévia de fevereiro em alta de 1,78% - acima da variação apurada no fechamento de janeiro (1,62%). Essa elevação reflete, principalmente, o aumento de preços no grupo transporte, de 4,15% para 5,1%.

    A pesquisa da Fipe é feita com base na variação de preços dos produtos consumidos pelas famílias com renda entre um e dez salários mínimos. Esse último levantamento refere-se ao período entre 8 de janeiro a 7 de fevereiro de 2015 comparado ao período de 8 de dezembro do ano passado a 7 de janeiro.

    Além da forte influência dos transportes, o índice foi pressionado pelo grupo alimentação, embora a correção de preços esteja perdendo força. Na média os preços dos alimentos subiram 1,18% ante uma alta de 1,57%. Na educação, a taxa foi 5,72%, indicando uma correção mais lenta.

    No grupo despesas pessoais, constatou-se variação de 0,97%, ligeiramente inferior ao aumento ocorrido no fechamento de janeiro, de 1,16%. Já em habitação, foi verificado acréscimo em ritmo mais veloz do que na pesquisa anterior, passando de 0,41% para 0,84%.

    Os gastos com saúde também registraram alta mais intensa com variação de 0,67% ante 0,48%, na primeira prévia de fevereiro. No grupo vestuário, foi mantida a queda com 0,23% ante 0,21%.


    Comentários 0

    Síguenos en twitter
    Síguenos en Facebook

    Más leidas

    eAm
    Colombia
    Mexico
    Chile
    Argentina
    Peru

    Liga Brasileña 2013-14

    IGP-M varia 0,09% nos primeiros dez dias de fevereiro
    Vendas de combustíveis crescem 5,3% em 2014 no país, mostra ANP