elEconomista.es
Brasil
37.362,92
-1,76%
4,1204
-0,09%
47,77
+7,28%
1.474,75
+0,03%

Vendas da Avon crescem 11% no Brasil

elEconomista América - 16:04 - 30/04/2013
comentarios
    tagsMás noticias sobre:

    A Avon informou que no primeiro trimestre do ano teve um aumento de vendas de 11% no Brasil, na comparação com o mesmo período de 2012, em dólar constante, dos quais 2 pontos percentuais foram devidos a um benefício tributário. Os dados foram divulgados na terça-feira (30), junto com os resultados financeiros da empresa nos Estados Unidos.

    A comanhia registrou aumento de venda de 26% dos itens de moda e casa e de 5% em beleza. O crescimento foi acompanhado do incremento de 4% no número de revendedoras, que já ultrapassa 1,5 milhão no Brasil.

    "Nossos resultados no primeiro trimestre continuam refletindo sinais de estabilização, incluindo o progresso em nossos esforços para reduzir custos?, disse Sheri McCoy, CEO global da Avon.

    Globalmente, a empresa teve prejuízo líquido de US$ 13,7 milhões entre janeiro e março, o equivalente a US$ 0,03 por ação, ante lucro de US$ 26,5 milhões (US$ 0,06 por ação) em igual período do ano passado. Descontados os custos de reestruturação, o impacto cambial causado pela moeda da Venezuela e outros itens, o lucro da Avon foi de US$ 0,26 por ação. A receita total caiu 3,6% na mesma comparação, para US$ 2,48 bilhões.


    Comentários 0

    Síguenos en twitter
    Síguenos en Facebook

    Más leidas

    eAm
    Colombia
    Mexico
    Chile
    Argentina
    Peru

    Liga Brasileña 2013-14

    MMX tem prejuízo líquido de R$ 55,2 milhões no 1.º trimestre
    Lucro da <b>Ambev</b> chega a R$ 2,34 bilhões no 1º trimestre, alta de 1,79%