elEconomista.es
Brasil
37.362,92
-1,76%
4,0907
-0,01%
47,77
+7,28%
1.468,70
+0,27%

Lucro da Ambev chega a R$ 2,34 bilhões no 1º trimestre, alta de 1,79%

elEconomista América - 16:41 - 30/04/2013
comentarios
    tagsMás noticias sobre:

    O lucro consolidado da Ambev (Companhia de Bebidas das Américas) chegou a de R$ 2,343 bilhões no primeiro trimestre deste ano, uma alta de 1,79%. Excluindo a participação dos acionistas minoritários a alta foi de 1,26%. O lucro líquido ajustado, antes de receitas e despesas especiais, foi de R$ 2,344 bilhões, 1,30% maior do que os R$ 2,314 bilhões obtido no mesmo período do ano anterior. O balanço foi divulgado na terça-feira (30).

    O lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização(Ebitda) teve alta de 6,6%, para R$ 3,598 bilhões, com margem Ebitda de 46,3%, recuo leve de 0,04% ante a de 46,7% no primeiro trimestre de 2012.

    A receita líquida do primeiro trimestre somou R$ 7,772 bilhões, alta de 7,4% sobre os R$ 7,235 bilhões registrados nos meses de janeiro a março de 2012.

    A queda estimada de 7,1% nas vendas da indústria nacional de cerveja no primeiro trimestre foi mais do que esperada pela Ambev. Segundo a companhia, somente em março o declínio das vendas em volume do mercado foi entre 17% e 19%.

    "Apesar da desaceleração dos volumes da indústria em março, o desempenho de abril apresentou boa melhora e estimamos que esteja caindo um dígito porcentual médio", afirmou a Ambev.

    Desempenho no Brasil

    A receita liquidada Ambev no Brasil teve aumento de 0,8%, passando de R$ 4,906 bilhões no primeiro trimestre de 2012 para R$ 4,945 bilhões em igual período de 2013. O Ebitda ajustado somou R$ 2,499 bilhões, registrando alta de 1,6%, com margem Ebitda ajustada de 50,5%, que avançou 0,4 ponto porcentual.

    Apesar do crescimento da receita o volume vendido de bebidas recuou 6,3%, passando de 28,845 milhões de hectolitros para 27,038 milhões de hectolitro. A queda da venda de cerveja foi de 8,2%, para 19,817 milhões de hectolitros e de refrigerantes e bebidas não alcoólicas o recuo foi de 0,5%, para 7,221 milhões de hectolitros.


    Comentários 0

    Síguenos en twitter
    Síguenos en Facebook

    Más leidas

    eAm
    Colombia
    Mexico
    Chile
    Argentina
    Peru

    Liga Brasileña 2013-14

    <b>Vendas</b> da Avon crescem 11% no Brasil
    <b>Telefónica Brasil</b> lanza el servicio de cuarta generación 4G